Jogador da seleção argentina vence câncer e volta aos campos

Considerado por Maradona peça-chave na seleção argentina na Copa de 2010, Jonas Gutiérrez entra em campo como capitão do time sub-21 e participa de vitória por 4 a 1.

jonas gutierrez cancer testiculos
Jonas Gutiérrez é o jogador de preto, à esquerda da foto.

O meia argentino Jonas Gutiérrez deu mais uma lição de vida nesta segunda-feira. Depois de superar um câncer nos testículos, diagnosticado em setembro de 2013, voltou a jogar futebol pelo Newcastle. Em partida válida pela Copa da Liga Inglesa sub-21, participou da vitória por 4 a 1 sobre o West Ham como um dos jogadores permitidos acima da idade limite, como capitão.

Jonas descobriu o câncer quando enfrentava o Arsenal, em maio de 2013. Após um choque com o lateral Sagna, começou a sentir o que classificou como “dores que não paravam”. Foi liberado para viajar para a Argentina, onde realizou exames que detectaram o tumor. Em outubro do mesmo ano, seu testículo esquerdo foi retirado.

+ Saiba mais: “Pesquisa brasileira usa saliva de carrapato para curar câncer

Emprestado ao Norwich na volta ao Newcastle, disputou a temporada 2013/14 até abril passado, perdendo espaço no time por causa de uma lesão na panturrilha. Entrou em campo pela última vez em abril e, ao sair de férias e voltar à Argentina, realizou exames de rotina que detectaram novos gânglios. Reiniciou o processo de quimioterapia e se recuperou pela segunda vez. Em outubro, deu mostras de que estava bem ao participar da maratona de Buenos Aires, sem a longa cabeleira marcante de seu visual por causa do tratamento.

Gutiérrez tem 31 anos. Foi revelado pelo Vélez Sarsfield e está no Newcastle desde 2008, com passagem por empréstimo ao Norwich na temporada 2013/14. Era considerado um dos principais jogadores da seleção argentina na Copa de 2010. O treinador Maradona chegou a dizer que sua equipe era “Mascherano, Messi, Jonás e mais oito”.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome aqui