Top do corpo perfeito dá dicas de alimentação e fala de treinos

Com barriga negativa e curvas sequinhas, gaúcha é uma das modelos mais disputadas nas semanas internacionais de moda praia. Confira entrevista.

julia pereira alimentacao

Desfilar, fazer fotos de biquíni para marcas badaladas e ainda ser uma das tops mais requisitadas pelas grifes internacionais. As atribuições são encaradas com naturalidade pela top gaúcha Julia Pereira, eleita pelo jornal britânico “Daily Mail” como a nova promessa para esta temporada devido ao seu corpo perfeito.

Aos 26 anos, Julia tem muito o que festejar. Convidada para assinar uma marca de beachwear para a grife Lybethras, ela acaba de fotografar a campanha da VSX Sport, linha esportiva da Victoria´s Secret.

Com 1,76m de altura, ela mantém medidas sequinhas e uma barriga negativa para lá de invejada. São 89 cm de quadril, 60 cm de cintura e 88 cm de busto. Mas o que será que ela faz para ter curvas tão desenhadas? Desvendamos.

“Nunca tive tendência a engordar, mas sempre gostei de me cuidar. Sempre me alimentei bem e nunca abri mão dos exercícios físicos. Costumo comer muitas frutas, verduras e alimentos integrais. Como muito pouco doce e raramente frituras”, explica a top, que costuma fazer uma boa refeição no café da manhã e beber bastante água durante o dia.

Em relação à alimentação, a modelo –  que pode ser vista nos catálogos da Hering, Picadilly, Riachuelo entre outras – dá outras dicas importantes. “Evito ingerir carboidratos após as 18h. Como estou praticando musculação regularmente, aumentei o consumo de proteínas no dia a dia. Mas faço tudo isso com acompanhamento de uma nutricionista”, afirma ela, que ainda recorrer a sessões de massagem e a tratamentos estéticos para ativar a circulação e evitar celulite.

Julia é fã do treino funcional, que usa o peso do própio corpo para os exercícios. Mas, como a vida de modelo é sempre muito corrida, nem sempre é possível frequentar academias. Por isso, ela aprendeu que o mais importante do treino é a intensidade e não a duração. Se ela não consegue ir a uma academia, acaba optando por exercícios simples e fáceis, como pular corda, subir ou descer escadas.

“Costumo postar fotos dos meus treinos nas redes sociais para incentivar as pessoas. Já recebi várias mensagens de pessoas agradecendo e, por isso, quero me dedicar mais a isso. Vou começar a fazer vídeos mostrando que se pode fazer os mais variados exercícios físicos em casa. Pode não parecer, mas um pouco cada dia faz a maior diferença”, ressalta a modelo, que sempre carrega lanchinhos nas bolsa para emergências.

“Carrego maçã e amêndoas na bolsa para não ficar muito tempo sem comer. O ideal é comer de três em três horas para manter o corpo sempre funcionando”, aponta a top.

Deixe um comentário

Digite seu comentário
Digite seu nome aqui